ENS e CQCS desenvolvem banco de dados de startups

ENS e CQCS desenvolvem banco de dados de startups

As startups e empresas inovadoras que impulsionam a mudança na indústria de seguros podem se juntar ao Diretório Nacional das Insurtechs 2024, uma iniciativa promovida pela Escola de Negócios e Seguros (ENS), que neste ano ganha a colaboração do CQCS. O objetivo é que essas empresas integrem o Banco de Dados de Insurtechs do Brasil, tendo reconhecimento do papel que desempenham na transformação do setor.

Samy Hazan, consultor, corretor especializado em seguro viagem, é o curador do diretório. Segundo ele, o programa conta a história das principais insurtechs do país e é composta de quatro partes, sendo elas:

análise do segmento, tendências, oportunidades e investimentos;
história de cada insurtech, seus fundadores, valores, diferenciais, plano futuro de curto médio prazo;
apresentação das aplicações de novas tecnologias na indústria de seguros (inteligência artificial, blockchain, experiência do usuário, experiência do cliente, etc); e
estudos de casos e o glossário das startups, com os jargões, expressões e outros termos usados.

De acordo com Gustavo Doria Filho, fundador do CQCS, organizar o diretório das insurtechs é uma consequência natural da comunidade e do CQCS Insurtech & Inovação, e a parceria com a ENS será importante. O executivo destacou ainda que o projeto torna-se muito especial sob a coordenação de Samy Hazan, e que tem que certeza de que “vai ser um instrumento de grande valia para toda a indústria do seguro, especialmente aqueles com um olhar especial para a inovação e transformação da maneira que a sociedade vai ser protegida”.

Para Hazan, o diretório contribui com a indústria porque traz, em um único material, a história das principais insurtechs brasileiras e uma análise profunda do segmento de inovação no Brasil. “Acho que a ideia é democratizar o conhecimento. O papel da escola e do papel do CQCS, agora nessa atualização, é difundir e divulgar esse tipo de conhecimento focado em inovação em seguros”, finaliza.

A última edição do Diretório Nacional das Insurtechs foi lançada pela ENS no final de 2022 e teve mais de 5 mil acessos, de acordo com Hazan. “Esse material é gratuito e é uma contribuição da escola para a indústria de seguros”, pontua o especialista. Para conferir, os interessados devem acessar https://insurtech.ens.edu.br/.

Como participar do Diretório Nacional das Insurtechs 2024

Para participar do Diretório Nacional das Insurtechs 2024, as startups e empresas inovadoras devem preencher o formulário (disponível em www.cqcsinsurtech.com.br/diretorio-das-insurtechs/) com dados do negócio, além de informações sobre a atuação no mercado, soluções, principais investidores, entre outros.

Cabe destacar que o prazo de participação vai até 21 de junho.

Fonte: CQCS/ENS

Compartilhe: Facebook Twitter Google Plus Linkedin Whatsapp