Veja onde as mulheres pagam mais pelo seguro

Veja onde as mulheres pagam mais pelo seguro

Pesquisa realizada pela Bidu sobre o valor dos seguros para as versões de entrada dos dez veículos mais vendidos em junho indica que, ao contrário dos levantamentos anteriores, em que as mulheres tiveram o preço do seguro, em média, mais barato do que os homens, as projeções atuais apontam uma equiparação nos valores. Em São Paulo, Belo Horizonte e Brasília, por exemplo, as motoristas do perfil feminino gastam em média R$157 a mais que o perfil masculino no seguro cotado no mês de julho.

As brasilienses chegam a desembolsar um valor R$227 superior em relação aos motoristas homens, seguidas pelas condutoras paulistanas com R$168.

O relatório analisa o preço médio mensal do seguro em cinco capitais brasileiras (Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo) e compara o perfil de homens e mulheres de 35 anos, casados, sem filhos, com garagem em casa e no trabalho, e que estão contratando o seguro pela primeira vez.

No Rio de Janeiro, na contramão da tendência apresentada nas outras grandes cidades, o preço médio do seguro feminino está mais barato que o masculino, com uma retração de 53%, a qual equivale à uma diferença de R$2584, em média, sendo R$3.533 e R$6117, respectivamente.

Fonte: cqcs

Compartilhe: Facebook Twitter Google Plus Linkedin Whatsapp